(51) 3222-5577
slide1
Institucional
Associe-se
Produtos
Centro de Eventos
Informativo SincoPeças
Notícias
Eventos
Convenções
Emissão de Guias
Guia de Negócios
Banco de Currículos
Localização
Sincopeças Brasil
Contato
 
 Cadastre-se
Receba as novidades do Sincopeças e do segmento
de autopeças, fazendo
seu cadastro aqui

Notícias

Aposentadoria: Qual o momento adequado para o encaminhamento?
09 de Setembro de 2016

Acompanhamos na mídia, quase que diariamente, informações referentes à reforma da previdência. Até o momento, nada de concreto, apenas especulações. Entretanto, uma certeza nós temos: ela ocorrerá e não beneficiará o segurado, mas sim o “sistema”. Não entramos no mérito, neste momento, se a Previdência Social é, ou não, deficitária, apenas que está se vendendo uma ideia extremamente equivocada e a mídia, desinformada, comprando.

Quanto às mudanças, propriamente ditas: fala-se na manutenção da aposentadoria por idade, com aumento do tempo mínimo de contribuição de 15 para 20 anos, com aumento da idade para 70 e alteração na fórmula do cálculo. Ainda, criação de outra modalidade de aposentadoria, cujos requisitos serão idade e tempo mínimo de contribuição, ou seja, 65 anos para ambos os sexos e tempo de 35 para os homens e 30 anos para as mulheres. Desta forma, a recém-aprovada fórmula 85/95 cairá, bem como a tradicional aposentadoria com a incidência do fator previdenciário.

O governo sinaliza para uma regra de transição, que beneficiará apenas os segurados acima dos 50 anos de idade. Informa-se que o pedágio será de 40% do tempo que resta para completar os requisitos, assim, uma mulher que possui 28 anos de contribuição, portanto restando 24 meses para se aposentar, terá que trabalhar 33. Neste caso, um pedágio de 9 meses.

Quanto à aposentadoria especial ou ainda as conversões de tempo especial para comum para quem tem atividades em contato com agentes nocivos, devem permanecer, mas não se sabe de que forma.

No que tange os benefícios por incapacidade, temos acompanhado as mudanças. Inicialmente, houve alteração na fórmula dos cálculos dos benefícios, há pouco se criou a alta programada, ou seja, todos os benefícios deverão ter data de início e fim, para um melhor controle da autarquia.

A incerteza tem levado os segurados buscarem o INSS e, por vezes, encaminharem os benefícios de forma equivocada. Algo tem que se deixar claro: os segurados que completaram os requisitos para as aposentadorias têm seu direito adquirido. Portanto, a futura mudança não os prejudicará.

Não é raro o homem, por exemplo, ter alcançado os 35 anos e encaminhar a aposentadoria de imediato, sem verificar em que momento completará os 95 pontos, que lhe daria a uma aposentadoria, na maioria das vezes, infinitamente melhor. Por vezes, basta aguardar alguns meses e alcançar-se-á um benefício mais vantajoso que será usufruído para o resto da vida.

Desta forma, a dica, neste momento, é: não se apresse, procure um profissional e simule o valor da aposentadoria, pois uma vez concedida e recebida, pode ser irreversível.

Por Anderson De Tomasi Ribeiro - OAB/RS n. 46896

anderson@futuraaposentadoria.com.br

 --

Parceria garante desconto no encaminhamento de aposentadoria

Os sócios do Sincopeças-RS podem contratar os serviços da Futura Aposentadoria Planejada com descontos de 15% a 50%, dependendo do trabalho a ser desenvolvido pelos profissionais. A empresa, especialista no tema, realiza o planejamento de aposentadoria, o qual consiste em buscar – com base no tempo de contribuição, idade e modelo de tributação da empresa – a mais adequada forma de contribuição visando ao melhor benefício. Além disso, também faz o encaminhamento e a revisão de aposentadorias, benefícios por incapacidade e pensão por morte. O foco da parceria é o atendimento ao empresário do setor de autopeças.


Advogado Anderson De Tomasi Ribeiro.
Fechar Próxima Anterior

Advogado Anderson De Tomasi Ribeiro.


+ notícias

Envie por E-mail

Dados Para Envio:
*
*
*
*
*

Downloads de Palestras



Informativo

Clique aqui e
acesse as edições anteriores



Feriados
Municipais

 

Banco de CurrículosCompra e VendaGaleria de Fotos
Links Rápidos
Correios
Cotação de Veículos
Detran RS
Diário Oficial do Estado
Diário Oficial da União
Fecomércio-RS
Governo do Estado RS
Junta Comercial do RS
Ministério do Trabalho
Ministério dos Tranportes
Prefeitura de Porto Alegre
Previdência Social
Receita Federal
Rotas Turísticas RS
Sebrae - RS
Secretaria da Fazenda RS
Serasa
Tribunal de Justiça do RS
Avenida Paraná, 2.435 | São Geraldo | 90240-602 | Porto Alegre/RS | Tel: (51) 3346-5644 / 3346-7012 | Fax: (51) 3222-5456